fechar
Acessibilidade (0)
A A A

Escolha o idioma

pt
c98507ba3ff229c1d3787116fe6fcab1.jpg
energia_20461839665b8fef5c7e570.jpg

Gestão em Tempo Real de uma Central Termoelétrica Industrial: Complexo Petroquímico da Repsol Polímeros em Sines

Palestra

Auditório da Sede Nacional da Ordem dos Engenheiros

17 de janeiro de 2019

Adicionar ao meu Calendário

Local

Auditório da Sede Nacional da Ordem dos Engenheiros

Informações

Ordem dos Engenheiros
Gabinete de Assuntos Profissionais
Tel.: 213 132 613 | 662 | 664
Email: gap@oep.pt
A Especialização em Energia da Ordem dos Engenheiros propôs-se organizar ao longo do ano 2018, até pela associação direta entre as questões Energéticas e Ambientais, uma série de palestras, integrando o conjunto de atividades desenvolvidas no âmbito do programa 2018 Ano OE das Alterações Climáticas.

A finalidade é tripla já que para além de conceitos e tecnologias procura-se dar a conhecer pessoas e empresas ligadas a atividades na área de Energia.

Até ao momento foram realizadas 4 palestras abordando a quinta o tema "Gestão em tempo real de uma Central Termoelétrica Industrial: Complexo Petroquímico da Repsol Polímeros em Sines” e será levada a cabo pelo Eng. João André Coelho (Diretor da área de Energias e Utilidades do Complexo Petroquímico da Repsol Polímeros de Sines).

Esta Palestra, que esteve inicialmente agendada para o dia 13 de novembro, vai realizar-se no próximo dia 17 de janeiro. 

Um breve resumo que aborda a importância do tema e expressa a forma como será exposto é apresentado seguidamente:
"A corrente volatilidade dos mercados energéticos (combustíveis e eletricidade) obriga a que a gestão das Centrais Termoelétricas integradas em processos industriais tenham disponíveis aplicações de gestão informáticas, em tempo real, ao nível da produção de vapor e eletricidade, capazes de dar resposta às rápidas alterações dos custos operacionais.

Neste sentido a Repsol desenvolveu uma aplicação customizada para a Central Termoelétrica de Sines que contempla a conjugação de todas as variáveis processuais e económicas incluindo a integração com a previsão de preços diários no Mercado Elétrico Portugal/Espanha.

A gestão de produção em tempo real permite gerir de forma eficiente a utilização dos combustíveis internos, combustíveis externos e a decisão entre a produção de energia elétrica versus a importação através da Rede Elétrica Nacional.

Para além das características anteriormente referidas esta aplicação de gestão/otimização permite também fornecer aos Operadores, em tempo real, os custos reais de produção versus otimizados para cada indicador de desempenho (KPI).

Com implementação da aplicação de Otimização em Tempo Real da Central Termoelétrica de Sines foi possível:

- Integrar dados termodinâmicos, elétricos e contabilísticos.
- Efetuar o balanço global de energia e massa da instalação.
- Calcular a eficiência energética por equipamento e global da instalação.
- Analisar o plano de produção apropriado para a instalação.
- Fornecer indicadores de desempenho em tempo real para a condução.
- Comparar a previsão de custos ótimos versus atuais.
- Disponibilizar relatórios de controlo operacional.
- Efetuar análises "What If”?”



Nota biográfica:
Eng. João André Coelho - Membro Sénior da Ordem dos Engenheiros, licenciado em Engenharia Mecânica e com mestrado em Termodinâmica e Fluidos. Desempenhou funções na Borealis Polímeros e na Repsol Polímeros. Especializou-se na área de energia e é responsável pela realização de projetos na área do controlo, segurança e otimização processual, desenvolvimento e implementação de sistemas de combustão multi-combustíveis em geradores de vapor, modernização de turbogrupos de geração elétrica e modernização da rede elétrica do Complexo Petroquímico de Sines. Desempenhou funções como especialista de processo da área de energias, chefe de projeto e chefe do departamento de controlo avançado e sistemas. Atualmente é o Diretor da área de Energias e Utilidades da Complexo Petroquímico da Repsol Polímeros de Sines.  

Parceiros Institucionais