fechar
Acessibilidade (0)
A A A

Escolha o idioma

pt
atualidade_2488341014fa3f4a8ab7a2.jpg

António Costa conta com Ordem dos Engenheiros para a definição do Portugal pós-2020

24 de Novembro de 2017 | Geral





No encerramento do XXI Congresso Nacional da Ordem dos Engenheiros, o Primeiro-ministro António Costa afirmou contar com esta Ordem Profissional para a definição das estratégias para o Portugal pós-2020.

Perante uma plateia de mais de 700 engenheiros, o governante agradeceu tudo o que estes profissionais têm feito em benefício de Portugal, destacando os contributos que a Ordem pode e deve dar para a "construção de um País melhor”.

"É essencial ser restabelecido um mecanismo que permita dotar o Estado de mais conhecimento técnico”, declarou António Costa, reconhecendo que "a reativação do Conselho Superior de Obras Públicas, onde a Ordem dos Engenheiros terá lugar” é um bom princípio para a concretização deste objetivo, verificando-se mesmo "essencial para o próximo plano de obras públicas que o País pretende desenvolver”. 

Reportando-se ao tema central deste XXI Congresso, "Engenharia e Transformação Digital”, o Primeiro-ministro referiu ser este um "momento estimulante aquele que enfrentamos”, o da 4.ª revolução industrial, para a qual o País parte, nas suas palavras, em pé de igualdade com os restantes países, dado o nível de incorporação tecnológica e de geração de conhecimento que detém.

Durante estes dois dias, estiveram em debate as principais problemáticas e desafios relacionados com a aplicação da transformação digital em áreas tão vastas como a floresta, ambiente e recursos naturais; cidades e território; cibersegurança; água e energia ou mar e litoral, temas apresentados ao longo de três sessões plenárias e 12 sessões técnicas paralelas, que contaram com cerca de 100 oradores, 11 coordenadores e 17 relatores.

De acordo com o Bastonário Carlos Mineiro Aires, esta "foi uma aposta da maior oportunidade e importância, pois trata-se de um tema incontornável que já merecia uma abordagem de dimensão nacional pelos engenheiros e que obviamente não poderia deixar de merecer a atenção desta muito prestigiada associação profissional: a Ordem dos Engenheiros de Portugal”.

Discurso de Encerramento do Bastonário, Eng. Carlos Mineiro Aires »»



Notícias relacionadas



- "Engenheiros discutem desafios da profissão", in Diário As Beiras, 24.11.2017

- "'Nata' dos engenheiros reunida em Coimbra", in Diário As Beiras, 24.11.2017

- "Costa conta com engenheiros para a revolução industrial", in Diário As Beiras, 27.11.2017

- "Futuro da Europa passa ligação da ciência às pessoas ", in Diário de Coimbra, 24.11.2017


- "Engenheiros precisam-se", in Construir, 05.12.2017

Parceiros Institucionais