fechar
Acessibilidade (0)
A A A

Escolha o idioma

pt
d5be7ba33e7e6727c38d5f64aabf5905.jpg
f94424294702c78017e30b0c79e2043b.jpg
Região Centro
Região Sul
Madeira
Açores
26-03-2012, 11:34

Eng. Pedro Miguel Caetano Mendes dos Santos

Membro

Região: Sul

Respostas: 0

Atos de Engenharia Informática

Gostaria de ver debatido o tema sobre a legislação dos atos de Engenharia Informática e quem os deve e pode efetuar. Observo também o que foi escrito pelo Prf. Doutor José Manuel Tribolet no seu prefácio ao documento "Plano global estratégico de racionalização e redução de custos nas TIC, na Administração Pública" e que me leva a crer que agora seria uma boa altura para que a OE se pudesse finalmente pronunciar e fazer valer pela dignificação da Profissão de Engenheiro Informático. citação do Prof: "Nesta oportunidade é importante relevar que no domínio das TIC não existem normativos legais quanto à qualificação dos atos profissionais e dos profissionais capacitados para os executar, ao contrário do que sucede noutros domínios técnicos infraestruturais do País e da AP, como seja os casos das infraestruturas elétricas, químicas, mecânicas, nas comunicações rodoviárias, ferroviárias, aéreas e marítimas, nas telecomunicações, no ambiente, na saúde, etc. A legislação portuguesa na regulação da atividade e dos produtos TIC, com exceção das telecomunicações, prima, neste particular, pelo vazio. Urge colmatar esta evidente lacuna, pois enquanto não o for o potencial impacto da medida 3.6 ficará comprometido." Gostaria de obter comentários por parte dos colegas e por parte dos nossos representantes na OE sobre o que está a ser feito sobre o assunto e/ou o que poderá ser feito ou como.

Responder

#-9 Reportar esta resposta 29-03-2013, 14:41

Eng. Pedro Miguel Leonardo Pires

Membro

Região: Sul

Respostas: 1

Re: Atos de Engenharia Informática

Subscrevo por completo o que o colega comentou, gostaria também de saber o que está a ser feito pela nossa área. Não vi, até agora desenvolvimentos nas áreas que descreve, nem tão pouco um reconhecimento que merece uma especialidade que é mais procurada hoje em dia a nível de emprego que qualquer outra engenharia, e que carece de alguma regulação/acompanhamento por parte da nossa ordem.

Citar

Responder

Parceiros Institucionais